Tristeza

A dona Tristeza chegou e insiste em ficar. Já mandei ela embora, já fui curta e grossa… e nada. Teimosa essa Tristeza! E debochada…. ri de mim quando tento espantá-la.
É, acho que não tem jeito…. Tristeza reservou um espaço no meu peito. Lugarzinho pequeno, mas fixo. E de vez em quando ela tenta invadir a casa da Alegria, aí a briga é feia. Cortes e arranhões por todos os lados. O coração fica todo machucado!
Mas sabe que é até bom? Viver sem essas desavenças me parece ser tedioso…
Anúncios

Um comentário sobre “Tristeza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s